Candidato a vereador em Piaçubuçu, Dr. Lú, é flagrado pela polícia realizando o crime de compra de voto

Com a aproximação do pleito municipal, alguns candidatos usam de artifícios ilegais para conseguir um cargo em suas respectivas cidades, mas a justiça e a policia está sempre atenta, como aconteceu no município de Piaçabuçu. A Policia Militar flagrou um crime de compra de votos por parte do candidato a vereador, Dr. Lú (MDB).

Segundo as informações, o candidato Dr. Lú, estava oferecendo gratuitamente matérias de construção para eleitores, em troca de votos. A polícia chegou ao local e flagrou toda a ação criminosa. Tijolos, sacos de cimento e areia, eram os materiais oferecidos na compra de votos, por parte do candidato Dr. Lú.

Conhecido como captação ilícita de sufrágio, a compra de votos é crime eleitoral. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o acusado de cometer essa infração será punido com a cassação do registro ou do diploma de candidato, além de uma multa. O candidato também ficará inelegível por oito anos. No caso do candidato a vereador Dr. Lú, ele pode ser punido dessas várias formas, já que houve o flagrante, ainda mais faltando dias para as eleições.

Fechar