É A PATROA! Enola Holmes, novo filme da Netflix.

Sinopse:

Enola Homes só tem 16 anos, mas vai fazer de tudo para encontrar a mãe desaparecida, inclusive despistar o irmão Sherlock e ajudar um jovem lorde fugitivo.

Na última quarta – feira (23/09), Netflix conseguiu conquistar mais uma vez os cinéfilos tuiteiros com mais uma heroína forte e destemida. Enola Holmes é a irmã mais nova de Sherlock Holmes e se vê totalmente perdida quando a sua mãe desaparece no dia do seu aniversário. A volta dos irmãos para casa muda a vida da garota completamente, além de lhe dar com o sumiço da mãe vai ter que aceitar ir para um colégio interno para damas para se encaixar na sociedade de elite, agora ela precisa se encontrar como uma mulher sozinha no mundo.

As duas horas de filme passam tão rápido quanto o trailer. O enredo se mostra cativante por fazer o espectador investigar o sumiço de mãe junto com Enola, já que em alguns momentos a personagem quebra a quarta parede ao falar diretamente com o público sobre como se sente e o que deve fazer quando encontrar uma pista. Os personagens demonstram muito afeto e senso de justiça entre eles, ainda por cima tem um final surpreendente e esclarecedor sobre a nossa heroína.

Enola não se limita em ser a irmã mais nova de Sherlock, ela tem um forte senso de justiça, um mente brilhante para desvendar o caso do lorde sozinha e ainda capaz de se livrar de perseguidores por conta própria já que o seu nome de trás para frente que dizer “alone” (sozinha).

Os acontecimentos são muito bem entrelaçados e todos os motivos se amarram muito bem ao longo do filme. Alguns pontos como o feminismo, o direito ao voto, o mistério sobre a fuga do lorde e o desaparecimento da mãe são muito bem ressaltados, e intercalados entre si. Além de um romance fofinhos entre Enola e o lorde. O romance foi o mais falado entre os tuiteiros por não envolver nenhum beijo entre o “casal”, apesar da ser química muito forte entre eles.

No entanto, nem tudo são flores e romance com adolescentes de 16 anos. O filme encantou os viciados no stream, mas deixou os herdeiros de Sir Arthur Conan Doyle (autor de Sherlock Holmes) irritados ao ponto de processar a empresa por infringir os direitos autorais da obra original. Os herdeiros do autor acusam a Netflix de ter alterado traços emocionais do Sherlock e por fazê-lo demonstrar sentimentos.

O enredo ainda pode garantir uma sequência mais adiante, já que o filme é inspirado nos livros da autora Nancy Springer. O primeiro livro retrata o desaparecimento do jovem lorde e ainda tem mais quatro livros sobre outros casos distintos.

Netflix acertou no elenco do filme e garantiu mais um sucesso em primeiro lugar no “Top 10” do Brasil ao trazer a atriz Helen Bonhan Carter para ser a matriarca da família. O ator Sam Claflin não fez mais um personagem bonzinho como estamos acostumados nos seus outros filmes (“Simplesmente Acontece” e “Como eu era antes de você”), ele foi o irritante e tirano Mycroft Holmes, que estar sempre atrapalhando os planos da irmã. Henry Cavill deixou a capa vermelha de super herói de lado para ser Sherlock Holmes. E para finalizar, Millie Bob Brown que saiu do inverso invertido de Stranger Things para ser a Enola Holmes.

Fechar