DESUNIDOS, PERDEREMOS?

Enquanto oposição estiver separada, Gilberto Gonçalves vê o caminho tranquilo para reeleição em Rio Largo

A pandemia parou o mundo, o que obrigou as pessoas a pensarem em novas formas de viver. Porém as eleições não pararam, pelo contrário, a corrida eleitoral começou há algum tempo, e se parar pra piscar, é capaz do pleito passar e você não entender nada do o que aconteceu. Os especialistas políticos apostam, literalmente, em uma falsa maratona. O que facilita a vida daqueles que buscam a reeleição, isso é claro, se eles estão fazendo um bom trabalho.

 Mesmo sendo um gestor com “ações questionáveis”, Gilberto Gonçalves está com “a máquina” seu lado e isso faz com que a população pense de forma errada, achando que ele já ganhou. Pelo contrário, existem candidatos que podem e provavelmente vão mudar o rumo dessa corrida.

O principal nome da oposição é Pedro Victor. O empresário já foi vereador pela cidade e concorreu em 2016 para prefeito. Dentre os possíveis nomes colocados em apostas para oposição, Pedro Victor mais experiente e já admite por onde passa e em suas redes sociais ser pré-candidato e já trabalha a sua imagem.

É claro que muitos dos que irão disputar as eleições pensam somente nos cofres públicos, e buscam na prefeitura uma oportunidade de “melhorar de vida”, outros pensam que a prefeitura de Rio Largo é apenas um trampolim para um cenário maior, a câmara de deputados ou até mesmo o senado.

Uma oposição formada de nomes como Pedro Victor, Dr. Lourenço, Sâmea Mascarenhas e Thales Diniz, por exemplo, daria ao eleitor de Rio Largo várias noites de sono tranquilo, mas ao invés disso, essa frente está desunida e dessa forma muitos acreditam que assim não terão forças para bater Gilberto nas eleições e tirá-lo da Prefeitura.

Será necessário muito mais, mas oposição não consegue resolver suas diferenças e com isso o relógio corre. Ao que parece estão apenas brincando de Eleição, e quem perde com isso é o povo de Rio Largo.

Quando os especialistas indicaram que as eleições de 2020 seriam uma falsa maratona, quiseram dizer que mesmo com a data ainda longe, na realidade que estamos vivendo hoje, aquele ganhar maior terreno ou eleitores num curto espaço de tempo, sairá vencedor. Por isso, enquanto a oposição quebra a cabeça e se cutuca nos bastidores, outra pessoa esta caminhando tranquilamente para reeleição.

 Ainda há tempo para parar de picuinha e acertarem os ponteiros dos relógios. Porque está na hora da mudança.

Fechar