INVESTIGAÇÃO – Vereadores da Barra de São Miguel são suspeitos de alugar veículos ‘fantasmas’

MPE investiga a denúncia de possível desvio de recursos da Câmara

Foto: Ascom MPAL

Nesta terça-feira, 14, o Ministério Público Estadual (MPE) instaurou inquérito civil, por meio de portaria do Diário Eletrônico, para apurar a denúncia de que alguns vereadores do município da Barra de São Miguel, no Litoral Sul de Alagoas, estariam alugando veículos “fantasmas”, utilizando dinheiro desviado da Câmara.

Como primeira providência do inquérito aberto, o representante do Ministério Público já expediu um ofício à presidência da Câmara de Vereadores do município, requisitando documentos. Entre os pedidos, está o envio de uma cópia digital dos procedimentos de prestação de contas de verbas de custeio, apresentados por todos os vereadores da Casa, relativos aos últimos seis meses.

Após a análise de toda documentação, o promotor pode convidar o presidente da Câmara da Barra de São Miguel para prestar esclarecimentos, seja presencialmente ou de maneira remota. Os vereadores envolvidos na suposta prática ilícita também terão o direito de se defender, caso a investigação aponte indícios de irregularidades.

A apuração está sendo feita pelo promotor Vinícius Ferreira Calheiros Alves, da 2ª Promotoria de Justiça.

Fechar