AÇÕES INTEGRADAS – Parlamentares defendem protocolo implantado pelo Governo Estadual no combate ao coronavírus

Deputados Ricardo Nezinho (MDB) e Silvio Camelo (PV) defenderam as ações de combate ao coronavírus feitas pelo Governo do Estado e pela Secretaria de Saúde

Foto: ALE-AL

Durante a sessão virtual da Assembleia Legislativa desta quinta-feira, 2, o líder do Governo na Casa, deputado Silvio Camelo (PV), e o deputado Ricardo Nezinho (MDB) defenderam as ações que o Governo do Estado e a Secretaria de Saúde vêm desenvolvendo no combate à Covid-19 (coronavírus), bem como a integração das medidas entre os governos Federal, Estadual e Municipal. Os parlamentares ainda destacaram o papel fundamental da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) na divulgação, junto aos prefeitos, das informações protocolares que um cidadão deve seguir ao apresentar os sintomas da doença.

Ricardo Nezinho informou que na cidade de Arapiraca, sede da segunda macrorregião de saúde do Estado, o protocolo para o cidadão que sentir os sintomas do cononavírus é o seguinte: primeiro deve procurar um posto de saúde. Lá, sendo comprovado que está com a síndrome gripal, será orientado a procurar a Unidade de Sentinela. Se o paciente não puder ser atendido ali ou ficar de quarentena em casa, será encaminhado pelo Samu à Unidade de Emergência, que é o hospital preparado na cidade para atender pacientes com coronavírus. “Esse tipo de informação precisa ser repassada para todas as pessoas. Passamos por uma guerra contra um inimigo invisível e, neste sentido, os entes federados precisam estar sincronizados, para levar informações precisas e concretas ao cidadão. A responsabilidade de vencer essa luta é de todos”, disse.

Nezinho informou ainda que fazem parte da macrorregião de Arapiraca os municípios de Batalha, Belo Monte, Campo Grande, Coité do Noia, Craíbas, Feira Grande, Girau do Ponciano, Jacaré dos Homens, Jaramataia, Lagoa da Canoa, Limoeiro de Anadia, Major Isidoro, Olho D`Água Grande, São Sebastião, Taquarana e Traipu. “Nestes municípios, o procedimento que o cidadão deve ter ao sentir sintomas do coronavírus é procurar o posto de saúde de sua cidade. Comprovada a síndrome gripal é que ele vem para a Unidade de Sentinela de Arapiraca”, esclareceu.

Nesta mesma linha, o deputado Silvio Camelo disse que as informações trazidas pelo deputado Nezinho também se aplicam a outras regiões do Estado. “Primeiro, o cidadão com os sintomas deve procurar o posto de saúde. Depois, se for constatado um problema gripal, são feitos os exames. Durante o período, o paciente deve ficar em casa, de quarentena, e só deve ir a um hospital para ser internado se sua situação se agravar por problemas respiratórios”, afirmou. Camelo disse ainda que todas as informações são importantes e precisam ser repassadas pelos prefeitos. “Podemos destacar a importância da AMA, orientando, coordenando as prefeituras, buscando apoio junto aos governos Federal e Estadual, e à nossa bancada federal. Os prefeitos são importantes no combate ao cononavírus, porque é nos municípios que tudo acontece”, disse.

Por fim, o deputado disse que qualquer parlamentar pode ir aos postos de saúde ou unidades hospitalares fiscalizar o que Governo vem fazendo. “Ninguém é contra qualquer fiscalização. Tudo está sendo feito dentro da legalidade e com o objetivo de salvar vidas. Precisamos agora de uma campanha maciça nos meios de comunicação, informando e esclarecendo as dúvidas da população. Para isso o Governo do Estado tem de investir em mídia”, destacou Camelo.

Comunicação ALE-AL

Fechar