CARA DE PAU – Mesmo em quarentena, Collor gasta R$ 37 mil da verba do Senado

Wellington Sena (PRTB) critica atitude do senador

Em quarentena nessa crise do coronavírus, o senador Fernando Collor torrou 37.000 reais da verba do Senado com serviços de comunicação.

No ano, este mês de março foi o que registrou os gastos mais altos no gabinete do alagoano. A denúncia saiu no site da Veja.

De acordo com o presidente em exercício do PRTB, em Maceió, Wellington Sena, não é de se espantar tamanho absurdo.

“Estamos falando de um senador que vive sendo investigado por corrupção. Tudo é esperado de um senador que só envergonha Alagoas”, disse Sena.

Fechar