HERÓIS SEM SALÁRIO – Hospital Sanatório atrasa pagamentos de funcionários em época de pandemia

Neste mês de março foi feito parte dos pagamentos referentes ao mês de janeiro; a informação foi confirmada pelo RH do hospital

Foto: Jonathan Lins

A redação da Agência de Notícias Alagoas (ANA) recebeu, na manhã de hoje (27) denúncia anônima de que o Hospital Sanatório está, novamente, atrasando os pagamentos de seus funcionários, o que tem dificultado o trabalho, sobretudo diante da necessidade de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Segundo o denunciante, os funcionários têm medo de falar a respeito por medo de represália e que tem emprestado dinheiro a colegas que trabalham no local para que eles não passem fome. “Tem uma amiga que, como muitos estão com salário atrasados, décimo [terceiro], férias, eu que já empresto dinheiro a ela. O atraso é geral, não tem área”, disse.

Além disso, também foi informado que os profissionais que atuam em plantão à noite não recebem refeições. “Pessoal de plantão não tem janta. Eles arrumam trocados uns com os outros, vão no mercado lá na frente, compram bolacha, fuba [farinha de milho] e fazem alguma coisa pra comer pra passar a noite. Isso fora os que não podem trazer nada de casa, que passam a noite com fome”, revelou.

“Aí nessa pandemia, que a pessoa da saúde tem que estar a postos no trabalho, qual o ânimo para quem está com aluguel atrasado, contas de água e luz atrasadas, e para comer tem que pedir dinheiro emprestado? E tem que ir ao trabalho para não ser demitido. Porque se for demitido, é outro problema para receber, porque [o hospital] não paga nada, tem que ir pra justiça”, afirmou o denunciante, indignado.

Ele afirmou ainda que neste mês de março foram feitos alguns pagamentos para quem recebe até dois salários mínimos, no entanto, o valor se refere ao mês de janeiro, que deveria ter sido pago até o quinto dia útil de fevereiro. Os que possuem salário acima disso, continuam aguardando o pagamento.

O atraso salarial foi confirmado pelo setor de Recursos Humanos do hospital, no entanto, informaram que apenas os diretores poderiam esclarecer os motivos. A redação da ANA entrou em contato com a direção, mas até o momento não obteve respostas.

Em novembro do ano passado, os funcionários do Hospital Sanatório paralisaram as atividades e realizaram manifestação para cobrar o pagamento do salário de outubro, 13º e férias, que haviam sido suspensas por 12 meses. De acordo com eles, foram feitas várias reuniões com a direção, que alegou não ter verba para quitar os débitos. Após receber repasses referentes à parceria com a Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas, os valores foram pagos, mas, em 2020, os atrasos voltaram a acontecer.

Fechar