MEDO DE SEREM OS PRÓXIMOS – Merendeiras temem trabalhar em escola após diagnóstico de professor

Imagem da internet

Um professor da Escola Estadual Prof Maria Lúcia Lins de Freitas, localizada no Tabuleiro do Martins, em Maceió, supostamente seria um dos diagnosticados com o Coronavírus em Alagoas.

Segundo informações, ele teria tido contato com alunos e funcionários.

Merendeiras estão apavoradas, uma vez que nota interna determinou que as escolas terão que abrir das 8h até às 12h a partir de segunda-feira.

O motivo seria para os estudantes não ficarem sem a merenda.

Fechar